EXTERNA & INTERNA

A palavra paisagem nos remete, primeiramente, à extensão territorial que o nosso olhar alcança, ao horizonte que se apresenta diante de nós. Contudo, a imagem que capturamos por meio do olhar vem acompanhada de muitos estímulos sensoriais – de uma infinita variedade de cores e formas, de sons e aromas, de diferenciações de texturas e calor. O conjunto das nossas percepções interage com o nosso interior, sentimentos e raciocínios. Para cada paisagem externa que absorvemos por meio dos nossos sentidos, vivenciamos uma paisagem interna.


Os vales guardam um mistério. Aproximam os infinitos terrestre e cósmico. O traçado dos rios é absorvido no horizonte, a altura das montanhas é diluída na atmosfera. Na vastidão da paisagem é possível se sentir acolhido pela copa de uma única árvore, redonda e feminina; e sentir a presença da infância embalada pelo ritmo do céu e da terra.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s